Páginas

segunda-feira, 23 de setembro de 2019

APÓS 16 ANOS, DECISÃO JUDICIAL DETERMINA NOTA EM REPARAÇÃO À HONRA DE OLÍVIO DUTRA

Olívio Dutra (Foto: Smitson Oliveira, de 27/07/2019, quando Olívio participou de palestra/debate em Salvador)

Do site Sul21, de 20/11/2018 – (matéria divulgada no último dia 11 na página do Facebook de Valdimiro Lustosa Soares)
O jornal Zero Hora publicou, nesta terça-feira (20), uma página inteira em reparação à honra do ex-governador Olívio Dutra (PT), por um texto de 16 anos atrás, que constava na sessão ‘Apedido’, escrito pelo advogado Paulo de Couto Silva. Na publicação, o advogado acusava Olívio de “conivência e interesse com a prática do jogo do bicho”, além de chamá-lo de “um dos maiores mentirosos que já passaram pelo Estado do Rio Grande do Sul”.
A reparação ocupou toda a página 13 do jornal e trouxe algumas partes relevantes da decisão judicial, tomada pela 8ª Vara Cível do Foro de Porto Alegre, que apontaram que houve ofensa e calúnia no texto escrito por Couto. O advogado ainda se manifestou de forma semelhante em um programa do Canal 20, na mesma época. “Não há como negar que ambas as ocorrências causaram dano na esfera moral do autor, maculando-lhe a imagem de cidadão, quanto mais de homem público”, diz a decisão.
Em 2004, o advogado já havia sido condenado a pagar uma indenização de 80 salários mínimos a Olívio devido às ofensas. Couto, à época, também entrou com um pedido de impeachment de Olívio, então governador, na Assembleia Legislativa, alegando o não cumprimento de acordos feitos no governo anterior para a implantação da Ford no Rio Grande do Sul. Ele chegou ainda a lançar um livro intitulado “O Impeachment de Olívio Dutra e o Estado Democrático de Direito”.
Comentários feitos no Facebook:
Valdimiro Lustosa Soares Um homem simples de caráter, de conduta ilibada. Conheço Olívio desde os anos 70 do Século Passado e tenho orgulho de privar da sua amizade.
Há pouco mais de um mês, a nosso convite, esteve aqui em Salvador onde palestrou no SINDAE, nos Barris, para cerca de 250 pessoas e foi aplaudido de pé.
A verdade pode demorar muito tempo, mas vem à tona. Olívio é um homem digno. Militou no movimento sindical, foi prefeito de Porto Alegre, foi Governador do Estado e Ministro de Estado no governo Lula, outro injustiçado.
Um abraço, companheiro Olívio.
“Veritatis simplex oration”!
Sândalo Nogueira de Souza: “Cara sério!”
PS 1: Um comentário feito por Jadson Oliveira, editor deste blog, será postado aqui no blog logo em seguida, junto com outro comentário de Valdimiro Lustosa Soares.

Nenhum comentário: