sábado, 11 de abril de 2015

QUAL É O PECADO DE CUBA E VENEZUELA PERANTE A HISTÓRIA DA AMÉRICA?

(Foto: Internet)
Editorial do jornal equatoriano El Telégrafo (empresa pública do governo federal), edição impressa de ontem, dia 10
É muito suspeito esse discurso dos chamados setores progressistas e dos autodenominados de esquerda neste continente para se mostrarem ‘críticos’ frente a Cuba e Venezuela. Não há um só país na América que, de um modo ou outro, não tenha sido vítima da maior potência militar e, certamente, da herança colonial.
O que fez com o México? O que aconteceu com Granada, Panamá, Nicarágua ou Chile? Já nos esquecemos de todo o ocorrido na década de setenta em toda a região? E por acaso Cuba, com seus problemas e complexidades, não foi a única nação solidária com milhares de combatentes sociais do continente? E não foi Hugo Chávez quem deu a volta por cima quando se quis impor um só modelo de comércio? Cuba e Venezuela enfrentaram um império poderoso e por isso também sofreram atos de terrorismo e perturbação, sem contar sabotagens de todo tipo.
Assim que se algum pecado estas duas nações cometeram (agora que chegam à Cúpula das Américas com absoluto respeito e reconhecimento) é o fato de serem rebeldes e afrontarem com dignidade sua soberania plena.


Tradução: Jadson Oliveira

Nenhum comentário: