domingo, 13 de julho de 2014

EQUADOR: MAIS DE 141 MIL BENEFICIADOS COM A ‘OPERACIÓN MILAGRO’



(Foto: Prensa Latina)
Quito, 12 julho (Agência Prensa Latina) - A Operação Milagre, dirigida a intervir cirurgicamente a pacientes com infecções oftalmológicas, tem beneficiado com uma atenção de alto nível e gratuita a mais de 141 mil pessoas no Equador, afirmou hoje a chefa da missão, Yelyn Vento.
 
"Este projeto que já cumpre 10 anos e oito de estar presente no Equador tem permitido aqui levar a luz aos olhos de 141 mil 173 seres humanos, em todos os casos com excelentes resultados", explicou a especialista cubana em declarações à Prensa Latina.

De acordo com a coordenadora, o programa funciona em três clínicas localizadas nas províncias de Cotopaxi (centro), Santa Elena (costa), e O Ouro (sul).

Em cada clínica trabalham 13 profissionais cubanos com diferentes especializações, agregou, o que permite que em cada lugar tenha uma equipe multidisciplinar encarregada de brindar atenção completamente gratuita e de primeiro nível.

Vento referiu que as operações têm beneficiado os equatorianos de diversas raças, níveis econômicos ou culturais, e também a pessoas procedentes de outras nações vizinhas, como Peru, Colômbia e Venezuela.

Agregou que para o futuro se prevê a continuidade do projeto com o apoio das máximas autoridades de Saúde neste país, uma cooperação que se reforça a partir da recente assinatura de um convênio na matéria entre Cuba e Equador.

A Operação Milagre surgiu no ano 2004, por iniciativa do líder histórico da Revolução Cubana, Fidel Castro, e tem beneficiado a cidadãos de diferentes países na América Latina como El Salvador, Guatemala, Costa Rica, Venezuela, Bolívia e Argentina, entre outros. 

Nenhum comentário: