quarta-feira, 26 de março de 2014

GRAVAÇÃO COMPROVA PLANO PARA MATAR VENEZUELANOS COM FRANCO-ATIRADORES (vídeo)




Por RT Actualidad (Rússia Today), de 26/03/2014

O deputado do Parlamento venezuelano Andrés Eloy Méndez  revelou durante uma entrevista na VTV (Venezuelana de Televisão – estatal) uma nova gravação sonora com planos terroristas para provocar novos distúrbios no país matando venezuelanos com franco-atiradores.


Segundo informação divulgada por laiguana.tv, os interlocutores que participam da gravação, subida a YouTube, já estão detidos.

Se trata de Carlos Yánez (codinome 'Camión', ex-trabalhador da emissora RCTV) e um tal Luis Raúl Ramírez.

"Esse troço se faz, numa semana está pronto… Esse troço é igualzinho a um silenciador dum carro, igualzinho", com esta frieza fala Raúl Ramírez sobre os preparativos do assassinato de inocentes, já em marcha. Concretamente, se trata das armas que se dispunha a adquirir e sobre seu preço. "A única coisa é que leva mais precisão…", como se se tratasse dum joguinho.

E um pequeno detalhe: ambos riem, riem como que falando de coisas banais, jogando com a vida de pessoas, pessoas ainda vivas mas condenadas a morrer.

Na entrevista à VTV, o deputado Méndez manifestou ter todas as provas de que se trata dum grupo paramilitar que forneceu armamento a franco-atiradores, assim como armas "caseiras" para assassinar civis e militares.


"O país tem pela frente uma organização terrorista, paramilitar, coordenada pela oposição violenta que participou dos recentes fatos violentos vividos no país, que deixaram até agora 36 mortos", afirmou.  

Segundo o deputado, por este motivo foi feita uma busca na casa de Carlos Yáñez, 'chistólogo' da RCTV, na área de Prados do Leste (zona mais rica de Caracas), convertida num centro clandestino de fabricação de armas para franco-atiradores paramilitares.

Tradução: Jadson Oliveira

Nenhum comentário: