segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

"MENTE QUE ALGO FICARÁ": GOEBBELS NA VENEZUELA

Por Atilio A. Boron, cientista político argentino, no seu blog

20.2.2014

Quanta razão tinha o Che quando disse que "no imperialismo não se pode acreditar nem um tantinho assim, nada!" Sua imoralidade, e a de seus compinchas da direita venezuelana, não tem limites. Para se apropriarem do alheio (recordava José Martí) são capazes de roubar, matar, violar e, com certeza, mentir. Mentir com as imagens, num mundo dominado por imagens audiovisuais. Recomendo visitar o sítio de Alba Ciudad para ver uma série de fotografias fraudulentas para atribuir ao governo venezuelano atrocidades cometidas em outros países. Não percam um minuto e acessem: 

http://albaciudad.org/wp/index.php/2014/02/la-primavera-photoshop-medios-y-tuiteros-opositores-utilizan-decenas-de-imagenes-de-represion-policial-en-otros-paises-para-alegar-que-ocurren-en-venezuela/
E para demonstrar basta um clique: 


  • Acima à esquerda: Tuiteira opositora Daniela Frías divulga uma foto duma suposta estudante venezuelana a ponto de chorar, tratando de abraçar um policial. ”Você e eu somos venezuelanos, meu camarada”, diz o texto do Twitter.
  • À direita:  A imagem na realidade corresponde a fatos ocorridos na Bulgária no ano 2013.
Tradução: Jadson Oliveira

Nenhum comentário: