sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

MENSALÃO: UMA SOLUÇÃO PARA O MARTÍRIO FINANCEIRO DE GENOINO E O PÂNICO DA MÍDIA



Lula e sua estranhíssima omissão diante da polêmica envolvendo a campanha do Mensalão através dos monopólios da imprensa hegemônica (Foto: DCM; legenda deste blog Evidentemente)

Se Lula fizesse três ou quatro palestras e encaminhasse a receita para Genoino, o martírio financeiro deste seria resolvido. Mas o que diriam Globo e Veja?

Enquanto não for vencido o sentimento de pânico que as pessoas têm da mídia pouca coisa se fará no Brasil.

Por Paulo Nogueira, do DCM (Diário do Centro do Mundo) – artigo reproduzido do portal Carta Maior, de 10/01/2014

É reveladora a reação de muitos petistas a uma proposta que fiz num artigo.

Disse que tinha achado uma maneira simples e eficiente de resolver o martírio financeiro de Genoino, depois que em mais um capítulo da abjeta perseguição movida contra ele a Justiça lhe deu dez dias de prazo para pagar uma dívida de mais de 600 mil reais.

Propus o seguinte: assim como existem partidas beneficentes de futebol, poderíamos ver palestras beneficentes.

Especificamente: se Lula fizesse três ou quatro palestras e encaminhasse a receita a Genoino, o caso estaria resolvido.

Lula é um dos astros do circuito mundial de palestras. Os cachês giram em torno de 100 mil dólares.

Para Genoino, arrecadar dinheiro é a chamada tarefa de Sísifo. Uma vaquinha na internet é um esforço épico, como tem se visto. Para Lula, arrecadar dinheiro, ao contrário, é fácil.

Ponderei também que finalmente se daria algum sentido ao caça-níqueis ao qual se atiram ex-presidentes mundo afora depois de suas administrações.

No Brasil, a prática foi inaugurada por FHC, que com sua conhecida mala vermelha foi colher dólares em todo o planeta devidamente monetizado, e seguida por Lula.

Nenhum comentário: