quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

COLÔMBIA: MENSAGEM DOS GUERRILHEIROS



Enquanto isso, a delegação das FARC continua em Havana/Cuba negociando a paz, desde novembro do ano passado, com os representantes do governo colombiano (Foto: Página/12)
Conforme matéria publicada hoje, dia 26, pelo jornal argentino Página/12, “as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) e o Exército de Libertação Nacional (ELN) destacaram ontem, num comunicado conjunto, que ambas as organizações trabalham plenamente para concretizar os diálogos de paz. As forças guerrilheiras também advertiram que o governo busca uma rendição da insurgência.

O texto leva as assinaturas dos chefes máximos da organização, Rodrigo Londoño, codinome Timochenko, pelas FARC, e Nicolás Bautista, codinome Gabino, pelo ELN, que conclamaram suas bases para que, ancorados na unidade, trabalhem para a instalação dum governo de índole democrática no país. ‘Não é fácil frente a um governo (do presidente Juan Manuel Santos) profundamente reacionário, neoliberal, comprometido até a medula com os interesses das transnacionais e o imperialismo norte-americano, militarista, belicista e oligárquico’, assegura o comunicado”.

Nenhum comentário: